foto

PINACOTECA DO ESTADO DE SÃO PAULO - SEC

Situada num dos bairros historicamente mais importantes da cidade, a Pinacoteca está cercada de instituições culturais que tornaram este eixo muito relevante no cenário artístico e cultural da cidade de São Paulo. Nele se encontram o Museu de Arte Sacra, a Estação Júlio Prestes (com a Sala São Paulo), Arquivo Municipal (Ed. Ramos de Azevedo), antigo prédio do DOPS, onde hoje temos o Memorial da Resistência, além do Parque e da Estação da Luz e do Teatro São Pedro.

O Edifício da Pinacoteca (1897-1900) foi projetado por Domiciano Rossi e por Ramos de Azevedo para sediar o Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo. Em seus 100 anos de existência, abrigou diversas instituições além do Liceu, Escola de Belas Artes, Ginásio do Estado, Escola de Arte Dramática e até mesmo, duas vezes, as Forças Armadas. Em 1930, foi transformado em hospital militar getulista e em 1932 foi ocupado pelo Batalhão Santos Dumont. Vizinho ao Parque e à Estação da Luz (1869), o prédio, inacabado com relação ao projeto, destaca-se ao longo da grande avenida, como um dos muitos exemplos do ecletismo em arquitetura.

O edifício passou, em 1992, por grandes reformas, que o adaptaram às necessidades de um museu moderno com seu importante acervo. A reforma é de autoria do arquiteto Paulo Mendes da Rocha e o projeto de iluminação, de Piero Castiglioni (o mesmo do Museu D’Orsay e do Palazzo Grassi de Veneza).

Recentemente, a Pinacoteca tem ocupado para algumas de suas exposições o Pavilhão Manoel da Nóbrega, no Parque Ibirapuera, como também o Parque da Luz, com exposições de esculturas ao ar livre.

Seu acervo já possui mais de 5.000 obras, exemplares da arte brasileira dos séculos XIX e XX, com destaque para Pedro Alexandrino, José Ferraz de Almeida Júnior, Oscar Pereira da Silva, Anita Malfatti, Victor Brecheret, Tarsila do Amaral e contemporâneos já consagrados. Merece destaque especial sua coleção de esculturas de Rodin, Antoine Bourdelle e Aristide Maillol, todos de renome internacional.

A Pinacoteca promove, além das exposições permanentes de seu acervo, exposições de artistas nacionais e internacionais, de coleções que abrangem assuntos, estilos e períodos os mais variados. Possui o auditório “Alfredo Mesquita” para palestras ou projeções de filmes e vídeos e centros de restauro, museologia e pesquisa.

Praça da Luz, 2, Luz, CEP 01102-000
T 3324-1000
pinasp@uol.com.br
www.pinacoteca.org.br/pinacoteca
Visitação: Terça a domingo, das 10h às 17h30. Visitas monitoradas.
Acesso para pessoas com deficiência locomotora.
Entrada franca aos sábados. Metrô Luz. Estação de Trem Luz. Ônibus e estacionamento nas proximidades.

:: voltar

foto